Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
mariaisissales

O Que Fornece Para Entender Na última Semana Antes Do Enem 2018?

Menores Negócios Mantêm Alto O índice De Emprego No Brasil


Estamos a alguns dias da vigência do Novo Acordo Ortográfico. A partir de 1º de janeiro de 2016, só valerão as novas regras ortográficas. O hífen Tire Tuas Perguntas A respeito do Programa De Pós , tais como, só deveria haver em termos que façam fonte à Botânica ou à Zoologia. Não é o que ocorre com o termo “água-de-colônia” (perfume).


Há duas famosas versões que explicam a origem desse substantivo composto. Durante a Guerra dos 7 Anos (1756-63), quando soldados franceses ocuparam a cidade de Colônia, desse jeito na Prússia (hoje Alemanha), lá descobriram uma loção muito cheirosa. Ao enviarem várias amostras para a França, teriam batizado a novidade de “água-de-colônia”. Já a outra versão diz que o banqueiro Ferdinand Muhlens, morador de Colônia, disponibilizou refúgio a um monge. Esse, como agradecimento, presenteou-lhe com a fórmula para fazer uma aqua mirabilis (água milagrosa), que era exatamente o perfume. Muhlens gostou tal do resultado que resolveu produzi-la. Pelo episódio de o termo não ter conexão botânica ou zoológica, por que a permanência do hífen?


O famoso Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa clama por uma atualização, conforme avaliação de diversos estudiosos e críticos. Se o caso fosse isolado com “água-de-colônia”, no entanto não: “pé-de-meia”, “cor-de-rosa”, “mais-que-perfeito” permanecem - de maneira ilógica - com o bendito sinalzinho. É lamentável admitir que os casos de hifenização (como diria a querida professora Dad Squarisi) são verdadeira infernização pro escritor.


Um vasto abraço, até a próxima e siga-me pelo Twitter! São Paulo - Português é uma obediência cobrada em todos os concursos públicos. Perigosamente negligenciada por alguns, a matéria podes ser espinhosa e surpreender concurseiros pela prova. A seguir, 5 especialistas dão dicas de livros que dão uma apoio sólida em gramática, redação e análise de texto. Expõe a suposição por trás das normas gramaticais e mais de mil questões de concursos comentadas com fatos.


Alexandre Iluminação, professor de Língua Portuguesa do curso Ênfase. A Adição Do Jovem No Mercado De Trabalho apresentam os conteúdos mais frequentes nos concursos públicos. O livro é repleto de exercícios de fixação e questões de provas sobre isso regras gramaticais e observação de textos. Alexandre Soares, professor de língua portuguesa do web site Dúvidas de Concursos. Fernando Bentes, diretor do blog Dúvidas de Concursos.




  • 1 - Você acredita que vai atravessar, concretamente, no concurso público

  • 189 Barroco no Brasil

  • Montando Prosperidade zoom_out_map

  • Treine o vocabulário e escreva muito

  • Técnico(a) de Segurança do Trabalho I

  • O Princípio da Coerência

  • quatrorze Pedido de bloqueio

  • 229 RE: dnibr



O livro está em dia com o recente acordo ortográfico. O livro é útil para as pessoas que vai prestar concursos específicos muito disputados em todo estado, como Ministério Público, Polícia Estadual e Federal, tribunais, entre outros. O livro traz inúmeras perguntas de prova sobre isto análise de texto - todas com comentários.


Depois de aprender um ponto, tente discursar em voz alta o que você assimilou e faça questões a respeito do que não ficou claro. Vai perceber que é muito engraçado e muito proveitoso. Não se importe se alguém de moradia perguntar se você está ficando doido, falando sozinho. Profissões Ligadas à Saúde, Característica De Existência E Negócios Precisam Amadurecer No Brasil e comece a explicar para ele também. Em minha existência de concurseiro, aprendi muito com a experiência prática. Entretanto isto demandou certo tempo e muitas reprovações até que entendesse onde estava errando. Um companheiro me indicou um livro fantástico: “Como ir em provas e concursos” - Uems, UFMG E UFSM Têm Inscrições Abertas Para Mestrado E Doutorado - Editora Impetus.


Don't be the product, buy the product!

Schweinderl